Franqueador: Quais as suas responsabilidades?

Franqueador: Quais as suas responsabilidades?

Se tornar um franqueador é uma grande decisão, e implica em ter consigo ainda mais responsabilidades do que a de ser empreendedor. É preciso gerenciar as unidades, definir todos os critérios de qualidade e ainda definir estratégias de sucesso para toda a rede. Para que se dê conta do recado, podemos dizer que há alguns pontos primordiais para tudo não desmoronar:

 

 

Negócio validado

Planejamento é o primeiro passo e é fundamental para qualquer empreendimento. Já dissemos aqui que não se pode franquear hipóteses, portanto é muito importante planejar e projetar o crescimento. Baseado no histórico do negócio, projete os resultados em um período médio de cinco anos, para uma visão real da rentabilidade proposta.

Todo o material disponibilizado ao franqueado deve ser baseado no histórico e nos padrões já validados, inclusive os procedimentos e padrões de operação. Nada que não foi testado ainda pode ser franqueado com segurança, então, valide o negócio antes de distribuí-lo para a rede.

 

Regulamentação Jurídica

Quando se está prestes a entrar no setor de franchising é obrigatório estar totalmente de acordo com a justiça. Impostos e contribuições devem estar em dia. A marca deve estar devidamente protegida. Padrões de operação devem estar definidos e devem ser repassados ao franqueado em forma de manuais de procedimento do negócio. Tudo isso é regulamentado através da lei 8955 de 1994, que regulamenta o segmento de franquias no Brasil. A lei também fala sobre a circular de oferta, pré contrato e contrato de franquia e documentos necessários ao franqueador

 

Suporte à rede

Para o sucesso total do empreendimento é vital que, além do próprio plano de negócios, o franqueador também trace o plano de negócios das franquias. O franqueado certamente terá carência em algumas áreas da gestão de um negócio, já que ninguém sabe tudo e todo começo é difícil. Cabe ao franqueador suportá-lo em tudo o que for preciso para que as chances de sucesso aumentem.

Além disso, é preciso acompanhar de perto o desempenho da rede e sempre medir os níveis de engajamento e satisfação dos franqueados. Para isso, utiliza-se bastante o serviço de consultoria de campo. Nele, consultores especializados em cada área percorrem diretamente os pontos de venda para dar suporte, tirar dúvidas e/ou orientar aos franqueados. Assim se mantém as melhores práticas de gestão. Estes consultores também fazem a ponte entre os franqueados e o franqueador, melhorando a comunicação e facilitando o ganha-ganha.

O franqueador também não pode deixar de se aproveitar do ganho de escala que sua rede de franqueados pode obter na compra de produtos e serviços. Então, é necessário ter bons controles operacionais e uma boa gestão de fornecedores. Aproveite-se da tecnologia para alcançar este objetivo e dar um suporte eficaz à rede.

 

Vá além do básico

Estes três pilares que citamos são mandatórios ao sucesso de qualquer franqueador. Todo o seu Know – how pode ser repassado ao franqueado, criando um diferencial da rede. Tenha um modelo financeiro bem estruturado. E sempre pense em novas fontes de receita, pois sua empresa pode crescer mais que o esperado.

Mas vá além do básico. Conheça bem a concorrência, monitore o potencial de mercado. Vale a pena ter um time dedicado de marketing para realização de campanhas e fidelização de clientes. Trace bem o perfil do franqueado e tenha um processo de seleção rigoroso. Utilize indicadores e tome decisões sempre com base em cenários realistas. É preciso ir além do básico para obter sucesso sustentável.

Você já sabe que franquear uma empresa não é algo simples, ainda mais agora que conhece melhor as responsabilidades básicas. Por isso toda ajuda especializada é bem vinda. Podemos te ajudar em alguns pontos do processo de franqueabilidade e expansão de sua marca. Nos contate para saber mais! 

 

 

Abraços do Grupo Bernoli, até a próxima!

 

Posts Relacionados

Consultoria de franquias: Por que contratar uma?

Por Michel Bernardino, em 28/08/2018

Nos mais variados segmentos da economia brasileira, o que mais se vê são empresas de consultoria. No franchising, o setor que [...]

Compra de franquia? Saiba o que analisar antes

Por Michel Bernardino, em 14/08/2018

VAI COMPRAR UMA FRANQUIA? SAIBA O QUE ANALISAR ANTES A compra de uma franquia é uma  decisão animadora. Quando decide-se por [...]

Tecnologia: Um dos 5 setores que mais cresce no franchising

Por Michel Bernardino, em 07/08/2018

O setor de tecnologia vem em constante crescimento nos últimos tempos. A ABES (Associação Brasileira de Empresas de Software) [...]